Galera Galera Junior Galerinha Record

Leticia Wierzchowski e Marcelo Pires

Leticia Wierzchowski, gaúcha de Porto Alegre, 34 anos, é casada com o Marcelo, tem um filho chamado João. Leticia é autora de outros 11 livros, entre eles A casa das sete mulheres, Cristal Polonês, Uma ponte para Terebin, e os infantis, O dragão de Wawel e outras lendas polonesas e Todas as coisas querem ser outras coisas, eleito Altamente Recomendável pela FNLIJ em 2007.

Marcelo Pires,
gaúcho de Porto Alegre, 44 anos, é casado com Leticia, tem um filho chamado João. Marcelo é autor de dois livros infantis, Liga-desliga e O menino que queria ser celular. Marcelo já escreveu em parceria com Leticia o livreto euteamo.com.br, L&PM.

Conversa com o autor:
Muitos livros nascem de inspirações ou experiências. Foi o caso de O Menino Paciente?
O Menino Paciente nasceu de uma experiência que vivemos com o nosso filho. Aos cinco anos, ele teve uma infecção bacteriana grave e foi para UTI de um hospital durante alguns dias. Lá dentro, para tentar tornar aquela rotina palatável e compreensível pra uma criança, começamos a inventar pequenas brincadeiras, a fazer comparações lúdicas, a olhar o hospital com olhos alegres e infantis. Foi daí que nasceu o livro.

O livro pode ajudar crianças-pacientes e seus familiares?

Achamos que sim. É uma forma de abrir os olhos dos pais para o universo lúdico, sempre um atalho pra compreensão infantil. E é uma forma de mostrar pras crianças que hospital é bom, é um lugar onde a gente fica curado. E tem muita coisa diferente a ser explorada com alegria.

O Menino Paciente é um livro otimista. Vocês acreditam que para todo problema existe uma solução?
Pra maioria dos problemas existe solução, porém, pra todos eles existe um caminho mais fácil, menos duro. O livro quer isso, levar as crianças pelo caminho da alegria. E levar junto os pais.


Produzido por Animático